Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Miúda com 30

30
Dez23

Foda-se vem aí

Ti*

Mais um ano a terminar,

mais um Natal que passou,

mais um ano a agradecer,

junto dos meus nada temer.

 

Sou uma previligiada,

pelo amor, apoio e presença,

pelo carinho e mão estendida sempre,

laço que prevalece no amor e na doença.

 

Sou uma sortuda,

por todo o apoio dado,

por todas as ajudas,

nem sempre cumpro as visitas justas,

mas vale ouro cada momento juntos passado.

Obrigada por tanto, 

Mais um ano na luta.

26
Dez23

Ainda....

Ti*

Vejo-te,

Ainda te desejo,

Não trocamos uma palavra,

Ainda assim estremeço.

Sou a mesma,

Um pouco mais gorducha,

Com mais vivências na mochila,

Com cada vez mais dúvidas.

A mesma,

Que ansiosamente aguarda o beijo,

O toque, o devorar,

O aperto,  o trincar, 

O teu cheiro, 

O abraço doce.

És o melhor a fazer tudo isto,

O pior com quem o devia fazer,

Mas ainda,

Ainda te quero tanto....

 

24
Dez23

Boas festas

Ti*

Tal como os anúncios publicados este ano, desejo um natal solidário, mente aberta, carinho e saúde.

Um grande beijinho, festas felizes e que 2024 traga todos os vosos desejos

🙏🏻🥳🥰🎅🎄🎁😘

24
Dez23

Âncora

Ti*

Puxas pelo meu sorriso,

Sinto-me bem e leve junto a ti.
Complico por medo,
Fujo da intimidade,
Fico com todo o mimo.
Somos dois loucos é a realidade,
Dois meses se passaram,
E continuamos a tentar, 
Se não for para ser,
Vamos muito chorar.
Fazes tudo por mim,
Tanto que nem sei lidar,
És um sonhador desajeitado, 
Que nunca teve com quem o partilhar.
Ainda numa fase de cura,
O meu coração, 
Ao pouquinho  começa a libertar-se,
A dar-te um pouco mais de mim a cada dia.
O ano esta a terminar,
A vida é para ser vivida,
Espero ser para ti o bem,
E não mais uma relação perdida.
23
Dez23

Novidades,tensão e pânico 

Ti*
Estou a viver algo que sempre quis, 

Uma realidade que, em boa verdade,  sempre achei ser diferente.

Estrada, muita estrada,

Comunicação com muita gente, 

Com diferentes experiências, 

Um mesmo objetivo, 

Cativar,fidelizar e converter.

É desafiante mas motivador,

Falar de uma empresa pela qual tenho amor.

A condução é um desafio, 

Já passei por uma Combo, uma Leon, uma Connect e agora Courier.

Já senti medo e tensão  por conduzir e não ser meu,

Ja me superei por conseguir.

Bem sei que é  apenas a terceira semana, mas já me sinto em ansiedade, 

A terceira tem de ser de vez.

 
21
Dez23

Fazes-me sentir coisas

Ti*
Fazes-me sentir especial ao mostrares preocupação com a vida e bem-estar,

Quando me melgas sobre ser desgovernada com o dinheiro,

Quando me perguntas sobre quem me faz bem ou mal,

Quando me aconselhas sobre o trabalho e as opções que tenho e devo fazer.

Fazes-me ter esperança ao mínimo "Olá", sem nenhuma intenção,

Eu queria ver-te apenas como um homem, Sem sentir coisas no coração.
18
Dez23

Ultrapassada

Burrice pura!

Ti*
Ultrapassada,

Fui deixada para trás,

Cometi erros, muitos,

Não soube lidar,

Não quis aceitar ser apenas eu,

A outra,

Ou melhor, uma das outras.

Tristemente sentindo,

Que alguém foi melhor que eu,

Melhor para ti,

Mais disponível,

Predisposta ao que eu não estava.

Este pensamento corrói-me.

Vou precisar de terapia.

Para me curar de ti,

Para dar um passo em frente e não mil atrás como tenho dado.

Ando ainda à tua procura,

Tu não vens.

E eu por burrice,

Continuo à tua espera…
15
Dez23

Dilacerado coração

Ti*
As lágrimas já não caem,

Quase enjoo quando cruzamos o olhar,

Não posso crer,

Não percebo,

Não consigo encontrar a razão,

Para ter permanecido na ideia de uma emoção inexistente.

Soubesse eu que o fim seria este,

Que tanto vivemos para nada,

Tantos riscos, tantas noites sem dormir,

Tantas carícias,

Tantas más palavras.

Sempre foste tu,

Igual,

E a minha visão toldada,

Não me permitiu,

Enxergar a realidade.

Toda a gente parece ser o que fui,

Não compreendo como me sujeito a sentir isto,

Ver, estar onde tu estás,

Para quê?! De coração em pedaços,

Vivo agora um recomeço,

Procuro ajuda,

Eu sei que me vou curar de ti,

Podia ser rápido como uma noite de sono,

Podia ser fácil como apenas fechar os olhos,

Era tão bom que assim fosse....

 
13
Dez23

Não gostas de ninguém a não ser de ti

Ti*
Fodes como quem ama,

Enganas como quem acaricia,

Preocupaste para teres disponibilidade outra vez,

Insultas como quem elogia.

Pisas, arranhas e mordes para marcar o território,

És intenso mesmo a ser sereno,

Calado mesmo a explodir por dentro,

Gelo e fogo.

Calculista e desrespeitoso,

És centrado no ego,

O rei a fazer tudo,

E a felicidade pouco a vês.

Serei capaz de te ultrapassar de vez?!
12
Dez23

Diz-me!

Ti*
Diz-me que acabou,

Porque preciso de ouvir da tua boca,

Para seguir com a minha vida.

Diz-me que nunca mais me vais desejar,

Para que nunca mais ao ver-te,

Eu saiba que és o homem que queria comigo na vida.

Fala-me com sinceridade que és o que foi,

E não mais o que será.

Fala-me de nós, como um passado enterrado, na mente e no coração.

Conta-me de ti,

Ao olhar nos olhos,

Que tantas vezes,

Te observaram a vir,

E que tantas vezes,

Desviei para não cair,

Na tentação do que é,

Apenas o teu abraço querer sentir.

Da-me a tua palavra de que não vamos mais ceder,

Que este corpo já não te excita,

Que nunca serei tua mulher,

Para que eu possa viver,

Alguém a tempo inteiro.

Que me queira a valer,

E não com quem me vá somente envolver.

Garante-me que me vais negar,

Sempre que eu te pedir para me visitares,

Que me ajudas ao rejeitar,

Que me distanciarás,

E não mais me beijarás,

Arranjando-me as costas,

Com esse olhar de tesão,

Como nunca vi igual.

Por favor, diz-me,

Preciso de te ouvir dizer:

"Mulher vai à tua vida,

Nunca mais te quero ter."

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Exclusivo da Ti*

Gestão do blog

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos constantes neste blog são originais e constituem propriedade intelectual de quem os escreve, sendo que todas as referências a outros autores serão devidamente identificadas. Reprodução dos textos constantes neste blog, apenas mediante citação da fonte e do autor. Em caso de plágio, medidas serão tomadas, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 36/2003, de 5 de Março.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D