Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Miúda com 30

30
Nov23

Facada

Ti*

Cansaço acumulado,

pernas a latejar,

dores de cabeça,

costas doridas.

Mãos que tremem,

coração acelerado,

desanimo.

Um ano a terminar num turbilhão

sem nada conseguir comprar,

sem conseguir aproveitar,

a pensar que mudei o rumo,

mas só me desarrumei em tudo.

Venha 2024 a ver se mudo esta vida de uma vez!

29
Nov23

Serei de novo adolescente?!

Ti*
De ansiedade a correr nas veias,

Avisto-te,

Vou ao teu encontro,

Com uma vontade enorme de abraçar e beijar.

Estamos na rua,

Em plena luz do dia,

Somos adolescentes,

A viver com alegria.

Conhecer-te foi inesperado,

E que agradável se tem tornado.

Dando uma segunda oportunidade,

Tudo correu melhor, E

sem dúvida que pela frente,

Teremos mais amor.

Tudo nasce de amizade e fortalece com o tempo,

Vivamos com calma e sigamos de mãos dadas,

Nas nossas caminhadas.

Passeios a lugares lindos,

Sabores e momentos divinos.

De ideias combinadas,

Seremos almas conectadas.
27
Nov23

Como me sinto

Ti*
A boca seca,

As mãos dormentes,

As pernas a latejar,

É assim que a amanheço.

O corpo começa a despertar no abrir a persiana do quarto,

A ouvir a chuva sem parar desde o início da semana,

E eu sinto revolta,

Em mais dia,

Não conseguir fazer melhor,

Não ser capaz de faltar,

Não ser competente o suficiente,

Tantos dias já passaram e a pressão não diminui.

Só queria desligar do ano que tive,

Resetar tudo o que foi, vivido em mau.

O de bom foi ter saúde para aguentar tudo,

E apenas ter tempo para digerir que,

Mandava todos, algumas pessoas vá,

Para grande puta que os há de parir.
25
Nov23

Um miúdo com 37

Ti*
Tens uma imensidão de sonhos,

Queres agarrar todas as novidades que te chegam.

Queres muito,

Tanto,

Que me assustas com mil e um projetos,

Para os quais nunca me predispus,

Ou sequer pensei neles.

Somos diferentes,

Tanto que penso,

Não haver margem para ajuste.

É impossível lidar,

Ou eu estou com preguiça de o fazer não nego.

És meigo,

És apaixonado,

Dedicado,

Romântico,

És trapalhão,

Intenso,

Mas a realidade é que a minha vida solitária,

Está muito enraizada,

E pensar em planos a dois,

Passou a ser mais difícil do que imaginei,

Só quero companhia e algum sexo,

De qualidade, tudo gira em volta disso.

Não quero isto,

Não sei lidar assim...
23
Nov23

B & D

Ti*
De ansiedade a correr nas veias,

Avisto-te,

Vou ao teu encontro,

Com uma vontade enorme de abraçar e beijar.

Estamos na rua, em plena luz do dia,

Somos adolescentes,

A viver com alegria.

Conhecer-te foi inesperado,

E que agradável se tem tornado.

Dando uma segunda oportunidade, Tudo correu melhor,

E sem dúvida que pela frente,

Teremos mais amor.

Tudo nasce de amizade e fortalece com o tempo,

Vivamos com calma e sigamos de mãos dadas,

Nas nossas caminhadas.

Passeios a lugares lindos,

Sabores e momentos divinos.

De ideias combinadas,

Seremos almas conectadas.
20
Nov23

Mais uma

Ti*
Mais uma insónia,

Mais uma noite de voltas,

A comer doces e a pensar.

A debater-me entre o medo, a incerteza,

A preocupação e a culpa,

A vergonha e a tristeza.

O meu maior desafio é ser independente,

Isso faz-me ser descrente de tudo na realidade,

Por tão difícil ser lutar,

Tudo pagar e de tanto abdicar.

Aos olhos do mundo uma esbanjadora,

Dentro de portas uma mágica é feita.

Sou imperfeita naturalmente,

Fraca por evitar os conflitos,

Forte por aguentar as avalanches e ainda assim de sorriso no rosto seguir.
19
Nov23

E não passou de ilusão

Ti*






Uma semana,















De um passeio agradável,

Que tinha muito para dar certo,

E deu verdadeiramente em nada.

Uma semana de dois seres,

Pela rua enamorados,

Esperançosos,

E crentes de uma ligação,

E hoje já nem se falam.

Não sei se sou eu o problema,

O que se passa com a mente masculina.

Desejava que fosse mais fácil,

Aceitar a comunicação,

Fazer dela bem-vinda,

Agradecer a franqueza,

E sem qualquer estranheza.

Deixar o tempo passar,

Como é normal se apaixonar,

E não querer logo estragar,

Só porque o importante,

É uma ideia fixa,

Avante levar.

Tudo se perdeu,

E eu só sinto revolta.

 








Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Exclusivo da Ti*

Gestão do blog

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos constantes neste blog são originais e constituem propriedade intelectual de quem os escreve, sendo que todas as referências a outros autores serão devidamente identificadas. Reprodução dos textos constantes neste blog, apenas mediante citação da fonte e do autor. Em caso de plágio, medidas serão tomadas, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 36/2003, de 5 de Março.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D